Montes que dão espetacularmente para o mar, sem espaços intermediários. Montanhas Liguria e rochedos que parecem erguer-se diretamente do Mar de Ligúria, na orla setentrional extrema do Mediterrâneo.

É a paisagem dominante da Ligúria, fascinante e empolgante, que passa ao visitante uma tal intensidade de emoções e de sensações que não o abandonará jamais em seu passeio por esta região densa em memórias históricas e de dinâmica e severa (a mítica parcimônia genovesa) participação no presente.

A capital é Gênova, um dos principais portos do Mediterrâneo, pátria de Cristóvão Colombo, o grande navegador que descobriu a América. Poderosa cidade marítima desde a Idade Média, Gênova conserva em grande parte os vestígios da sua grande história.

Edifícios imponentes, suntuosas mansões senhoriais e grandes igrejas testemunham do esplendor passado, integrando-se perfeitamente na trama da cidade moderna. Nas outras províncias da Ligúria (Imperia e os outros dois importantes centros portuários da região, La Spezia e Savona), são inúmeras as atrações naturais e artísticas.

O Monte de Portofino e as Cinque Terre são um exemplo excepcional de natureza mediterrânea íntegra e exuberante; assim como Portovenere é uma pequena jóia, exemplar da costa mediterrânea; e Sanremo (cujo cassino é todos os anos sede do popular Festival da Canção Italiana) é uma das mais típicas e famosas estações balneárias italianas.

Entre os tantos monumentos de grande valor histórico-artístico, limitar-nos-emos ao exemplo da esplêndida abadia beneditina de S. Fruttuoso, em Camogli. Deixamos para vocês o prazer de descobrir os outros.