Museus

Quando contemplar algumas das obras de arte mais famosas do mundo, apenas a alguns centímetros de você, nos museus da Europa, você vai ficar maravilhado. Imagine a Vitória Alada no Louvre de Paris, os tesouros arqueológicos do Egito, da Grécia e de Roma no Museu Britânico de Londres, o Nascimento de Vênus de Boticelli na Galeria Uffizi em Florença, obras de El Greco, Goya, El Bosco e Van Dyck no Prado em Madri, a coleção de Albrecht Dürer na Albertina em Viena, a Ronda Noturna no Rijksmuseum de Amsterdã e a incrível coleção da Ilha dos Museus de Berlim!

Mas não só de grandes museus é feita a vida cultural europeia – existem coleções igualmente maravilhosas em museus menores, geralmente dedicados a um artista ou a um período específico. No intervalo entre as visitas, você pode ainda explorar os bairros da região em busca de uma boa comida ou para admirar a arquitetura.



Arte Contemporânea

Você prefere a arte contemporânea? Então visite o Guggenheim em Bilbao, numa estrutura moderna espetacular, e o Museu Picasso em Barcelona. Ou então vá para a Áustria conhecer o Museu da Arte Moderna de Viena, tão famoso pela sua coleção como pela sua arquitetura. No Reino Unido, a Tate Modern de Londres, localizada numa antiga usina elétrica, é imperdível. O Centro Georges Pompidou de Paris possui instalações em constante transformação com o que há de mais vanguardista, além de uma das maiores coleções de arte contemporânea do mundo.



Museus para todos os gostos


Outra opção é explorar museus com temáticas diferentes, especializadas ou inusitadas. Veja a seguir alguns exemplos:

A Bélgica se orgulha de oferecer o Museu dos Instrumentos Musicais - onde pode-se escutar os instrumentos sendo tocados. Vale a pena também parar para admirar a arquitetura modernista do Centro Belga das Histórias em Quadrinhos.

O Museu de Kobarid, na Eslovênia, é especializado na 1ª Guerra Mundial. Os eventos descritos guardam relação com as aventuras e memórias de personagens célebres, incluídos Ernest Hemingway e Erwin Rommel. O Museu de Kobarid foi proclamado o melhor museu europeu e ganhou o prêmio de museus do Conselho da Europa em 1993.



O Museu de Fram, na Noruega, relata as aventuras dos intrépidos exploradores do Pólo Norte. Você poderá embarcar no Fram, o barco histórico utilizado para chegar à região. Pesquise os quatro mil anos da história do esqui enquanto desfruta das magníficas vistas de Oslo no Museu do Esqui. Para saber tudo sobre o povo viking, vá ao Sagamuseum, na Islândia.

No Museu de Swarovski de Wattens, na Áustria, pessoas de todo o mundo admiram as criações multifacetadas em cristal.

Por sua vez, os fãs de moda devem se dirigir ao Museu Victoria and Albert, em Londres, ao Museu Nacional do Traje e da Moda, em Portugal, ou ao belo Museu de Sadberk Hanim em Istambul (Turquia).

A Grécia, o sonho de qualquer amante da arqueologia, dispõe de dezenas de museus de antigüidades por todo o país. A Turquia não fica atrás: o Museu Bodrum de Arqueologia Subaquática é um dos mais importantes do mundo neste campo, e se localiza num castelo do século XV. O museu possui uma vasta coleção de ânforas e uma mostra subaquática que explica como os arqueólogos recuperam seus achados das profundidades.



A Alemanha rende tributo às crianças no Museu do Brinquedo de Nuremburg. O Museu do Desenho vanguardista de Helsinki, na Finlândia, sempre apresenta mostras inovadoras.

O Museu Nacional dos Coches de Lisboa exibe uma magnífica coleção de veículos dos séculos XVII a XIX, utilizados por diversas cortes européias antes a invenção do automóvel.

Como achar o seu museu?


Os milhares de museus da Europa estão listados nos sites dos Escritórios Nacionais de Turismo de cada país. Além disso, existem outras ferramentas para encontrar o museu do seu tema favorito. Conheça algumas delas: ferecemos algumas ferramentas que o podem ajudar na sua busca:

Hands On Europe! - Esta associação internacional se dedica ao desenvolvimento de museus para crianças em 21 países europeus. No Reino Unido, os museus para crianças se encontram no site Show Me. Além disso, muitos dos maiores museus da Europa possuem programas especiais e mostras para crianças.



Arts in Europe - portal de arte e a arquitetura na Bélgica, Alemanha, Holanda, Hungria, Romênia, Espanha e Suíça.

Guia de Museus Europeus – muito útil para encontrar exposições temporárias em 27 países europeus.

ArtCyclopedia - inclui museus de todo o mundo, com um mecanismo de busca bastante amplo que permite encontrar todo tipo de museu por tema.

Recomendações


• Os Cartões de Museus, geralmente disponíveis nos Postos de Turismo e nos próprios museus, oferecem ingressos a preços reduzidos para diversas atrações e, por vezes, permitem que seus titulares utilizem um acesso especial.

• Se for possível, reserve com antecedência na internet os ingressos para os museus e exposições muito populares - assim você evita as longas filas e pode visitar o que quiser, quando quiser.



• Peça um audioguia para você e veja se não existe uma versão especial para para crianças. Assim, você faz visita no seu próprio ritmo, sem tirar os olhos das obras, enquanto seus ouvidos escutam a narração.

Por fim, marque na sua agenda o dia 18 de maio, o Dia Internacional do Museu. Muitos museus oferecem entrada gratuita na data, e na Grã-Bretanha as comemorações duram o mês todo. Aproveite os eventos e mostras especiais!