Cidade de Urbino
Site: http://www.comune.urbino.ps.it

Urbino, historicamente famosa pela Universidade Libera fundada em 1506. É sede de uma renomada Acacademia de Belas Artes e de um Instituto para a Decoração e Ilustração de Livros. A cidade, que pela sua importancia historica, artistica e cultural é associada a Pésaro na denominação da província, surge em uma posição elevada, sobre um crinal colinoso em dois níveis de altura e com ruazinhas ígremes, toda murada pelas antigas muralhas.

É pátria de Raffaello Sanzio, Baroccio e do Brandanti.

Francesco di Giorgio Martini realizou a igreja de San Bernardino que se localiza fora da cidade e conserva as sepulturas dos duques Federico e Guidobaldo da Montefeltro. Contemporâneos (segunda metade do XV século) e de tipo laureanesco são os palácios Passione, Palma, Luminati e Semproni, enquanto o ex convento de Santa Chiara , de Francesco di Giorgio Martini.

Também, muito interessante é a casa natal de Raffaello, sede da Accademia de Raffaelo, a qual conserva um afresco reconhecido como autógrafo. De menor interesse os monumentos que datam das épocas sucessivas: o duomo, do XV, apresenta o interno refeito (1789) por Valadier e a fachada do início do XIX século.

O Palácio Ducale é também sede da Galeria Nazionale das Marche que possui obras de Paolo Uccello, Luca Signorelli, Tiziano, Gentileschi, etc. Além de numerosas outras obras relativas aos maiores pintores de Urbino (G. Santi, T. Viti, Raffaello, Baroccio, etc.) e de artistas marquegianos.